Make your own free website on Tripod.com



Músicas de capoeira



EU VI A CUTIA

Eu vi a Cutia com coco no dente, com coco no dente, com coco no dente.

(Coro)
Eu vi a Cutia com coco no dente.


Comendo farinha, olhando pra gente.

(Coro)
Eu vi a Cutia com coco no dente.


Eu vi a Cutia com coco no dente, com coco no dente, com coco no dente.

(Coro)
Eu vi a Cutia com coco no dente.


Mas comendo farinha e olhando pra gente.



SÃO BENTO ME CHAMA

Ai, ai, ai, ai, o São Bento me chama.

(Coro)
Ai, ai, ai, ai.


São Bento chamou.

(Coro)
Ai, ai, ai, ai.


Pra jogar capoeira.

(Coro)
Ai, ai, ai, ai.


Pelourinho em Salvador.

(Coro)
Ai, ai, ai, ai.


O São Bento me chama.

(Coro)
Ai, ai, ai, ai.



NAVIO NEGREIRO

Que navio é esse, que chegou agora?
É o navio negreiro
com os escravos de Angola.

Vem gente de Cambinda
Benguela e Luanda
eles vinham acorrentados
pra trabalhar nessas bandas

(Coro)
Que navio é esse, que chegou agora?
É o navio negreiro
com os escravos de Angola.

Aqui chegando não perderam a sua fé criaram o samba
a capoeira e o candomblé

(Coro)
Que navio é esse, que chegou agora?
É o navio negreiro
com os escravos de Angola.

acorrentados no porão do navio
muitos morreram de banzo e de frio.

(Coro)
Que navio é esse, que chegou agora?
É o navio negreiro
com os escravos de Angola.



CAPOEIRA ABALOU

Abalou capoeira abalou, se abalou vem abalar.

(Coro)
Abalou capoeira, abalou, e abalou deixa abalar.
Abalou capoeira abalou, se abalou vem abalar.

(Coro)
Abalou capoeira, abalou, e abalou deixa abalar.



CHORA VIOLA

Chora viola ê, chora viola á,
Chora viola, faz essa viola chorar.

(Coro)
Chora viola ê, chora viola á,
Chora viola, faz essa viola chorar.

Viola boa é de lá do Ceará, quando eu fui lá na Bahia, encontrei no mercado popular, oi chora viola!

(Coro)
Chora viola ê, chora viola á,
Chora viola, faz essa viola chorar.



ARUANDA Ê

Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.

(Coro)
Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.

Vem de dentro do peito
Essa chama que acende
Meu corpo inteiro não pode parar
Eu sou mandingueiro de lá da Bahia
Axé capoeira salve Abadá.
Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.

(Coro)
Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.

Oxalá que me guie
Por todo caminho
Não deixe na roda a fé me faltar
Sou vento que sopra eu sou capoeira
A luta de um povo prá se libertar.
Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.

(Coro)
Aruanda ê
aruanda ê, aruanda
aruanda ê camará.



MESTRE DOS MESTRES

Iêee....

Manoel dos Reis machado, Manoel dos Reis Machado
Foi embora e nos deixou
Deus lhe pôe em bom lugar
Pois é merecedor
Foi o Rei da capoeira
Foi ele que me ensinou
Ele foi mestre dos mestres
Meu mestre que Deus levou
E não joga mais na terra
Onde lá no céu jogar
Com Traíra e Besouro
Aberrê e Valdemar
Ele foi rei aqui na terra
Hoje é rei em outro lugar
Camaradinha, viva meu mestre.

(Coro)
Ehhh viva meu mestre, camará.

Ê que me ensinou

(Coro)
Ehhh que me ensinou, camará.

Ê a capoeira


(Coro)
Ehhh a capoeira, camará.

Ê lá da Bahia


(Coro)
Ehhh lá da Bahia, camará.

Ê vamos ao jogo.


(Coro)
Ehhh vamos ao jogo, camará.



EU VI SINHÔ

Eu vi sinhô, eu vi sinha.
O menino pulava pra quí,
O menino pulava pra cá.

(Coro)
Eu vi sinhô, eu vi sinha.
Ê lá no cais da Bahia,
Eu vi Mintirinha jogar.

(Coro)
Eu vi sinhô, eu vi sinha.
Ê lá no cais da Bahia,
Eu vi meu mestre jogar.

(Coro)
Eu vi sinhô, eu vi sinha.
Ê lá no cais da Bahia,
Eu vi seu Bimba jogar.



Ê PARANÁ

Ê Paraná, Paraná, Paranauê, Paraná.

(Coro)
Ê Paraná.

Eu vim aqui aqui não vou voltar, Paraná

(Coro)
Ê Paraná.

Eu quero ver você jogar, Paraná.

(Coro)
Ê Paraná.

Eu quero ver você cantar,Paraná.

(Coro)
Ê Paraná.



Ê CAPOEIRA, Ê CAPOEIRÁ

Eu venho lá da Bahia, trago um berimbau na mão,
eu toco cavalaria, gosto de fazer canção,
ninguém sabe o sofrimento, ninguém sabe a minha dor,
capoeira como eu, nunca teve um grande amor.

Uma vida de intriga, cheia de desilusão,
todo mundo só me vê, quando estou com a mão no chão.
Quando eu grito, grito alto, todo mundo me escutar,
você nunca experimente, com capoeira brigar,
minha briga é só no pé, medo não carrego não,
se um cara fala alto,
leva logo um esporão.
Capoeira.

Ê capoeira, ê capoeirá, ê capoeira, ê capoeirá, quero ouvir capoeira.


(Coro)
Ê capoeira, ê capoeirá, ê capoeira, ê capoeirá



SALVE A ILHA DE MARÉ

Salve a Ilha de Maré, salve São Salvador.

(Coro)
Salve a Ilha de Maré, salve São Salvador.

Salve o Mestre Bimba, que a Regional criou.

(Coro)
Salve a Ilha de Maré, salve São Salvador.

Salve o mestre Pastinha,
Que a mandinga aqui deixou.

(Coro)
Salve a Ilha de Maré, salve São Salvador.

Salve a capoeira, que a vida me ensinou.

(Coro)
Salve a Ilha de Maré, salve São Salvador.



É NO BALANÇO, É NO BALANCIÁ

É no balanço, é no balanciê,
é no balanço, é no balanciá.


(Coro)
É no balanço, é no balanciê,
é no balanço, é no balanciá.

Ê capoeira da Muzenza, chegou foi na roda pra jogar.

(Coro)
É no balanço, é no balanciê,
é no balanço, é no balanciá.
Ê minha vida é capoeira, escuta que eu vou dizer,
meia lua e rasteira, olha rabo de arraia, pra se defender.

(Coro)
É no balanço, é no balanciê,
é no balanço, é no balanciá.

Ê minha vida é capoeira, escuta que eu vou falar,
meia lua e rasteira, olha rabo de arraia, pra matar.

(Coro)
É no balanço, é no balanciê,
é no balanço, é no balanciá.



TIM, TIM, TIM ARUANDÊ

Tim tim, tim aruandê, aruanda, aruanda, aruandê.

(Coro)
Tim tim, tim aruandê.

Aruanda é ferro de bater.

(Coro)
Tim tim, tim aruandê.

Olha, tim tim, tim aruandê, aruanda, aruanda, aruandê.

(Coro)
Tim tim, tim aruandê.



TUM, TUM, TUM, TUM, CAPOEIRA NO CÉU VOU JOGAR

Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.
Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.
Já joguei com Seu Pastinha, já joguei com Mestre Bimba,
eu já joguei com Lampião.

(Coro)
Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.
Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.
Já joguei lá na Ribeira, já joguei na Amaralina,
eu já joguei na Conceição.

(Coro)
Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.
Tum, tum ,tum, tum, capoeira no céu vou jogar.



O NEGO TÁ DANADO

O nego tá danado, olha o nego Sinhá,
o nego tá danado.

(Coro)
Olha o nego Sinhá.

Mais o nego é ligeiro.


(Coro)
Olha o nego Sinhá.

Esse nego é o cão.


(Coro)
Olha o nego Sinhá.

Só trabalha na feira.


(Coro)
Olha o nego Sinhá.

Ô vendendo limão.


(Coro)
Olha o nego Sinhá.

Mas o nego tá danado.


(Coro)
Olha o nego Sinhá.



ONDE TEM MARIMBONDO

Onde tem marimbondo, é zum, zum, zum. Olha se tem marimbondo.

(Coro)
É zum, zum, zum.
Onde tem marimbondo.


(Coro)
É zum, zum, zum.





Em breve colocaremos mais músicas exclusivamente para você!